Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

neymarjrnopsg1a

 

PSG anuncia contratação de Neymar e fecha acordo por cinco anos

 

Clube francês bancou multa milionária pelo atacante, apresentado oficialmente no dia 04/de agosto de 2017.

neymarjrnopsg1

 

O Paris Saint-Germain (PSG) acertou, após mais de duas semanas de idas e vindas, o pagamento da multa de 222 milhões de euros (821 milhões de reais) ao Barcelona pela multa rescisória de Neymar e confirmou a contratação do atacante brasileiro. Neymar assinou contrato com o PSG até 30 de junho de 2022, antes do início da Copa do Mundo do Catar. O jogador de 25 anos foi apresentado nesta sexta-feira, 4 de agosto, em Paris, no estádio Parc des Princes. Trata-se da contratação mais cara da história do futebol.


Em declaração ao site oficial do PSG, Neymar afirmou que foi seduzido pela ambição do clube de conquistar títulos e entrar para o patamar das grandes potências mundiais. “Estou extremamente satisfeito por me juntar ao Paris Saint-Germain. Desde a minha chegada à Europa, o clube se tornou um dos mais competitivos e ambiciosos. O maior desafio, que me motivou a me juntar aos meus novos companheiros de time, é ajudar o clube a conquistar os títulos que os torcedores sonham. A ambição do PSG me conquistou tanto quanto a paixão e a energia que gera. Passei quatro anos na Europa e estou pronto para o desafio. A partir de hoje, vou fazer de tudo para ajudar minha equipe a vencer, abrir novos horizontes para o meu clube e dar felicidade a seus milhões de torcedores em todo o mundo”, disse o atacante, que vestirá a camisa 10 em Paris.


Já em seu perfil no Instagram, o craque escreveu em espanhol agradecendo pela parceria de sucesso com Luis Suárez e Lionel Messi, ressaltando que a decisão de trocar o Barça pelo PSG teria contrariado a vontade de seu pai. “Formei um ataque com Messi e Suárez que ficou na história. Tive a honra de atuar com o maior atleta que vi jogar e tenho certeza que não vou ver outro melhor que Messi, que se tornou um amigo dentro e fora de campo. Um atleta (eu) precisa de desafios. Vou contrariar meu pai pela segunda vez na vida. O PSG será minha casa pelos próximos anos e vou trabalhar para honrar a confiança que depositaram em meu futebol.”

 

 

 

Publicado por: Murilo Dieguez

Fonte de Pesquisa:

brasil.elpais.com