Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

luizaocoritiba1b

 

 

LUIZÃO zagueiro do Coritiba, ex-Londrina, Crac-GO, Gremio Anápolis-GO, Anapolina-GO, Ituano-SP

 

 luizaocoritiba1a

 

Luiz Vital de Araujo, o Luizão nasceu no dia 13 de junho de 1981 no Município de Firminópolis no Estado de Goiás.

 

 

 

Luizão começou a carreira no Estado de Goiás, onde jogou no Crac-GO, Grêmio Anápolis-GO, Anapolina-GO, e no Ituano (onde foi campeão paulista, em 2014).

 

 

2015

 

Londrina

 

 

 Luizão chegou ao Londrina em 2015.

 

 luizaoapresentacaopelolondrina2015

 

 


No Tubarão, o jogador ficou marcado por marcar o gol de acesso à Série B.

 

luizaocomemoragolpelolondrina2

 

 

 

Abaixo na vitória de 1x0 diante do Confiança de Sergipe

luizaocomemoragolpelolondrina

 

 

Em 2016, ele ficou fora de boa parte da temporada por causa de uma lesão no ombro.

 

Nesta temporada, o zagueiro fez oito partidas, mas perdeu espaço na reta final do Paranaense.

 

luizaonolondrina2

 


Com a negociação de Juninho com o Palmeiras, o técnico Pachequinho ficou com apenas quatro opções para o setor no Coritiba: Márcio, Werley, Wallisson Maia e Romércio.

 

 

 

2017

 

CORITIBA

 

 

 

luizaocoritiba1a

 

Sua estréia pelo Coritiba foi no jogo contra o Fluminense.

 

Abaixo foto de Luizão no jogo contra o Flamengo, no dia 22/07/2017, onde aparece com o Berrio do Flamengo.

luizaofla2x1coxa

 

 Abaixo Luizão aparece na foto, onde Everton Ribeiro do Flamengo é acompanhado por Jonas do Coritiba.

 luizaonojogocoxaxflamengo2017

  

Aqui Luizão camisa 73 do Coritiba disputa bola com os zagueiros do Flamengo, Juan e Rafael Vaz

luizaonazagadocoxaxflamengo2017

 

 

 

 Aqui Luizão marcando o peruano Guerrero do Flamengo

luizaomarcandoguerrero

 

 

 

 

 

Publicado por: Murilo Dieguez


Fonte de Pesquisa:

globoesporte

 

 

 

 

 

luizaocoritiba1a

 

 

 

 

"Luizão, você faz parte da história do futebol, e eu seu amigo Marcelo Dieguez, O Historiador não vou deixar sua história ser esquecida".

Um abraço de seu amigo Marcelo Dieguez.